22 março 2015

Água: um direito básico ou um bem em extinção?

Alunos do Colégio E. Pe  Colbachini, com apoio da escola, implantam projeto de captação da água de chuva.

No DIA MUNDIAL DA ÁGUA, hoje, não temos nada a comemorar, muito para refletir e urgência em tomar atitudes "concretas". Mas infelizmente a grande maioria das pessoas não está preocupada de fato com a tragédia anunciada para um curto espaço de tempo e que compromete a vida da próximas gerações e até mesmo a nossa. Vale a pena ver estatísticas sobre o assunto. Nessa matéria, veja mais detalhes. 
Uma bela iniciativa que deveria inspirar mais pessoas é a do projeto Água + que um grupo de alunos do Colégio E. Pe. Colbachini, onde trabalho, concretizou, captando água da chuva em cisternas que abastecem os banheiros da escola.
A água já é o bem mais precioso do Planeta Terra, que deveria se chamar Água pela quantidade, mas pouquíssima pode ser aproveitada para consumo e muitos não tem acesso ao que deveria ser natural e básico. As próximas gerações verão guerras por causa da disputa pela água. E o que nós estamos fazendo para evitar isso hoje?


14 março 2015

Somos sujeitos ou objetos?




            Quem me conhece bem sabe que sou bastante introspectiva e de poucas palavras. Penso muiiittooooooooooo antes de me manifestar sobre assuntos que penso que domino e nunca falo sobre o que não tenho conhecimento de causa. Fico abismada , assustada e incomodada com a falta de cuidado que muitas pessoas tem de abrir a boca ou mais precisamente, no espaço virtual, "mover os dedos". Sou a favor da democracia e das opiniões, mas que sejam fundamentadas em argumentos próprios e não em "achismos", induções, muito menos emitidas com violência e hostilidade.
           Estamos num momento histórico em que está muito difícil acreditar em alguém, politicamente falando. Os discursos são eloquentes e as caras de pau impressionantes. Diante de tantos discursos acalorados, cujos argumentos parecem sempre verdade,  o melhor é cada um se ater aos "fatos", analisar perdas e ganhos em suas próprias vidas e colocar na balança. Cada um sabe de si e onde o sapato aperta ou deixa de apertar. Os fatos falam por si. Estamos num momento de desesperança e incertezas, carentes de referências, mas de uma coisa eu tenho absoluta certeza: ditadura não desejo nunca mais. Nasci quase junto com ela e cresci vendo suas barbaridades, liberdades cerceadas e decisões tomadas à força de cima para baixo. 
         Por mais falha que seja a nossa democracia, ainda assim temos a liberdade para exigir mudanças e lutar por elas. Que todos os corruptos, de TODOS os partidos sejam responsabilizados. Impeachment? Na minha opinião, a emenda ficaria pior que o soneto. Como educadora, minha missão e manisfestação está em sala de aula, preparando e formando cidadãos íntegros, conscientes e críticos. 
            Que Deus olhe para o Brasil  e aconteça o melhor! 

11 março 2015

Cinco ferramentas para criar apresentações

Educadora indica programas que permitem visuais atrativos, criativos, divertidos e personalizados. Para baixar da internet.



                                                                  Por Laura Díaz *
A maioria de nós, docentes ou estudantes, faz exposições orais que requerem uma preparação prévia. É verdade que existem muitas estratégias para que essas apresentações sejam um sucesso. Mas você não acha que um bom suporte visual pode ajudar a capturar e manter a atenção de nossos ouvintes?
Na internet, podemos encontrar diversas ferramentas para fazer apresentações atrativas, criativas e até divertidas. Por isso, trago aqui cinco dicas legais, gratuitas e muto simples de usar.
business_10Prezi – Certamente muitos já ouviram falar desta ferramenta. O Prezi permite criar peças dinâmicas, nas quais, com um zoom, podemos nos mover pela apresentação, obtendo desde uma visão geral até o menor detalhe. Também oferece várias funcionalidades, como adicionar imagens, vídeos do YouTube, importar PowerPoints, entre outras. Se ficou interessado em saber mais sobre o Prezi, assista este tutorial, que ensina a usar a ferramenta em 15 minutos.
Powtoon – Sem dúvida, esta é a ferramenta mais divertida, por suas animações. Com Powtoon podemos criar vídeos e apresentações animadas de modo simples, adicionando texto, música, gravações, animações etc. A versão de teste é gratuita e é possível fazer quantas apresentações quisermos de no máximo cinco minutos. Há vídeos de exemplo no YouTube.
Emaze – Excelente ferramenta para apresentações, composta por templates em 2D e 3D de diversas tipologias. Tudo pode ser personalizado com textos, gráficos, imagens, áudios e vídeos baixados da Emaze, da internet ou do computador. Também é possível importar arquivos PPT e compartilhar os trabalhos realizados nas redes sociais.
Canva – Para criar desenhos geniais, colagens de fotos, imagens para Twitter e FB, cartões de visita e, claro, apresentações. A ferramenta oferece uma grande variedade de desenhos, tipografias, imagens e um mundo de recursos para criações personalizadas. As apresentações podem ser compartilhadas com outras pessoas, com a possibilidade de que elas editem, ou ainda descarregadas em formato PDF.
Haiku Deck – Os trabalhos feitos com sta ferramenta se caracterizam pela simplicidade e elegância. Sem dúvida a aiku Deck é indicada para quem quer uma apresentação bastante visual, pois seus slides se compõem unicamente de uma imagem ao fundo e dois blocos de texto. Existem vários desenhos disponíveis e uma ampla biblioteca de imagens temáticas. Também há a opção de carregar imagens de arquivos próprios. A ferramenta está disponível também para iPad.
O que achou? Estas ferramentas são apenas algumas das que podemos encontrar na internet. Se você conhece mais alguma, não hesite em compartilhar com outros professores e estudantes.
* Publicado no Blog Tiching  
Tradução: Áurea Lopes

Fonte : ARede.educa  ( http://www.arede.inf.br/cinco-ferramentas-para-criar-apresentacoes/ )

01 março 2015

Diferenças e tolerância



Todo mundo sabe que sou fã da tecnologia, é meu instrumento de trabalho e defendo sempre o bom uso na vida pessoal e profissional. Nisso estão incluídas as redes sociais. Mas elas tem sido, a meu ver, uma faca de dois gumes. Pelo amplo poder de abrangência que têm, rapidamente podem servir para o bem ou para o mal. Podemos construir ou destruir nossa imagem com extrema facilidade. Podemos espalhar ideias construtivas ,divulgar o que julgamos pertinente, instigar reflexões,usá-las como instrumento de democracia, discutindo posições que defendemos ou das quais discordamos. No entanto, o que observo é muito preocupante. Poucas são as pessoas que fazem críticas "imparciais" e têm tolerância com as diferenças. O que se vê em geral é a velha história da"maria vai com as outras". No que se refere ao sério momento político que estamos vivendo, temos aí um bom exemplo disso.Parece que as pessoas não conhecem ou não viveram a história, que aí está para ensinar a não repetir os mesmos erros. O problema em questão não é trocar o sujo pelo mal lavado, mas resolver os problemas na sua raiz, que estão na falta de ética e educação. Em cada cidadão que frequentemente comete pequenos ou grandes atos de corrupção no seu cotidiano e depois cobra dos outros idoneidade moral. É por isso que louvo a iniciativa do Grenal de hoje. Precisamos aprender a ser civilizados e conviver com as diferenças. Precisamos lutar, com paz. Precisamos mudar com consciência. Precisamos criticar com argumentos consistentes. O caminho é longo...

16 fevereiro 2015

E-book: Turbine Suas Aulas

Fui citada como um dos 16 professores blogueiros de sucesso nesse E-book da amiga, colega Ana Paula Costa Souza, da qual fui tutora do Curso Blogs Educativos como recursos didáticos, no Portal Educarede, mantido pela Fundação Telefônica, há alguns anos atrás. É gratificante saber que podemos contribuir, compartilhando conhecimentos e aprendendo de forma colaborativa. Ana Paula tem feito um trabalho bacana que vale a pena conhecer e se inspirar. Acesse o site Minha Caixa Mágica e descubra uma série de possibilidades para o uso das tecnologias na educação

 

04 fevereiro 2015

A Casa de Pequenos Cubinhos


Publico aqui uma animação  comovente, O ontem é passado, o amanhã é mistério. Só o presente existe e pode ser vivido com intensidade.  São muitas lições e reflexões que podemos  tirar  daqui, inclusive ambientais. Vejam sinopse:

"Eleito o nome internacional do curta em francês, conta a história -- sem diálogos -- de um senhor com idade já avançada que mora em uma cidade ao nível do mar. Com o passar do tempo, o nível da água vai subindo, e, desta maneira, o idoso tem que erguer ainda mais sua casa, que é levantada tijolo por tijolo. Kunio Kato consegue apresentar em singelos 12 minutos o que diretores populares nunca conseguiram em todas suas carreiras. O pouco tempo é marcante e de quebra dá um ponorama lúcido e atual do aquecimento global -- que com o derretimento das calotas polares vem engolindo aos poucos algumas ilhas do sudeste asiático e do resto do mundo.
Direção e roteiro: Kunio Katô"

03 janeiro 2015

Curso PROINFO- TICs

No ano de 2014 iniciei a experiência de tutoria pelo programa do PROINFO integrado, sendo formadora do curso Tecnologias na Educação: ensinando e aprendendo com as TIC, de julho a dezembro. Fui a única selecionada na 16 CRE, por isso atendi professores de vários municípios: Nova Bassano, Nova Prata, Nova Araçá, Paraí, Guaporé, Serafina Corrêa. O curso foi semipresencial e os encontros presenciais foram realizados  no Colégio E. Pe. Colbachini, em Nova Bassano e na Escola de Ensino Médio Onze de Agosto, em Nova Prata. 
Houve um número grande de inscrições e foi necessário utilizar critérios para definir as vagas. As escolas com maior números de inscritos foram contempladas. No primeiro encontro foi detalhado o curso e alguns professores inscritos optaram por não realizar o mesmo, já que acharam que não conseguiriam se comprometer e conciliar as atividades. Iniciamos então propriamente com 40 cursistas, sendo que apenas um desistiu durante o curso  e os demais todos aprovados. 
Foi necessário adaptar  o conteúdo  proposto, dosar as atividades em virtude da carga horária pesada que  os professores têm, precisando usar tempo extra para as formações. Fiquei muito satisfeita com  a sede de conhecimento que os educadores demonstraram e com o comprometimento que encaram o desafio, muitos deles até  nos sábados pela manhã. 
A grande maioria tinha pouca experiência com o uso de tecnologias o que tornou o desafio maior, Porém, desde o início houve motivação, trabalho colaborativo, utilização das ferramentas estudadas na prática pedagógica. Mais do que conhecimentos adquiridos, houve um despertar da curiosidade e de consciência da importância do uso adequado, interativo das tecnologias. 
Encerro o curso me sentindo gratificada , pois sempre foi uma preocupação minha a formação dos professores para o uso das tecnologias e ter contribuído para isso com um grupo significativo me alegra e sei que com certeza não foi em vão.  Tenho a convicção de que as aulas  de muitos alunos serão diferentes em 2015.
Agradeço ã SEDUC pela oportunidade e aos cursistas pelas aprendizagens mútuas que trocamos durante esses 6 meses, além das amizades construídas que permanecerão.  Aqui estão as AVALIAÇÕES.  (clique no link) realizadas pelos cursistas. Até uma próxima oportunidade!

ASSISTA AO VÍDEO


VEJA AS FOTOS DO ENCERRAMENTO


24 dezembro 2014

Feliz Natal!

A todos os meus visitantes, seguidores, amigos presenciais e/ou  virtuais desejo  que essa data seja renovada todos os dias com a esperança que o Jesus Menino nos traz de salvação. Não sei porque o Natal me deixa triste. Talvez porque seja o momento em  que paramos para refletir nossa condição humana e como lidamos com os nossos sentimentos, em especial o mais nobre de todos, o amor.  Jesus é o amor incondicional. Ele nos ama em qualquer situação e circunstância. Mas  parece que nós vivemos sempre na contramão . Tudo é difícil , até amar às vezes é complicado, pois o amor parece que foi submetido às leis dos homens e se ousamos infringi-las somos condenados. Que nesse Natal possamos nos aproximar um pouco mais do Menino Jesus e  aprender  com a sua humildade e nosso coração se abra para acolher e espalhar afeto.


21 novembro 2014

Eu, na Feira do Livro de Porto Alegre



Amo livros. Amo a Feira do Livro  de Porto Alegre. Amo reencontrar pessoas de quem gosto, conhecer novas, com as mesmas afinidades.  Burburinho de pessoas, livros a céu aberto, leitores e escritores se encontrando , autógrafos, bate-papos, tudo em meio ao verde da praça.Esta feira e cidade moram no meu coração.